Tarifa branca: saiba como economizar na Energia Elétrica

0
58
energia eletrica economia conta

Você sabia que pode diminuir em até 15% a conta de energia elétrica de sua casa ou empresa? Pois bem, conheça a opção pela modalidade tarifária branca, a chamada TARIFA BRANCA.

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), ligada ao Ministério de Minas e Energia,  mais de 4,5 milhões de unidades consumidoras têm perfil para utilizar a tarifa branca e economizar na energia elétrica.

Tarifa branca na Energia Elétrica

tarifa branca

Mas como funciona a tarifa branca?  Realmente vale a pena fazer a mudança? Antes de responder a pergunta, vamos ao contexto histórico.

Esse incentivo passou a vigorar a partir de 1º de janeiro de 2018 quando cerca de 4.5 milhões de unidades consumidoras tinha esse perfil de consumo. Hoje o brasil tem cerca de 83 milhões de unidades consumidoras.

Antes de 2018, apenas consumidores com um consumo superior a 500 quilowatts hora mês poderiam migrar para a tarifa branca.

Já a partir de 2019 esse número baixou e agora consumidores que têm consumo entre 250 a 500 quilowatts hora mês já podem migrar para a tarifa branca, com preço diferenciado em razão do horário de pico,  horário de ponta e horário fora de ponta.

Horários de pico e a tarifa branca

Normalmente esse horário de ponta corresponde a três horas consecutivas nos dias úteis. Normalmente vai de 17 às 20 horas ou das 18 às 21 horas. Essa faixa depende do Estado.

Nestes horários a tarifa costuma ser dez vezes mais cara por conta da demanda do sistema elétrico.

A medida visa realmente desafogar o sistema elétrico nos horários de pico e, em contrapartida, o governo oferece desconto para quem não consome tanta energia nesse horário.

Aí você pergunta, como faço para aderir a essa modalidade de cobrança, a chamada tarifa branca?

O contribuinte deve procurar a concessionária de energia da sua cidade para realizar o cadastro. Caso a solicitação seja aprovada, a instalação do novo medidor deve ser feita em 30 dias.

Após a instalação, você tem uma carência de seis meses para retornar para o formato de cobrança anterior, caso queira.Caso você desista de voltar ao sistema

Então se você consome no mínimo 250 quilowatts por mês, automaticamente está apto a mudar para tarifa branca. No entanto, isso tem que ser muito bem avaliado porque se você consumir energia no período de pico a sua conta pode aumentar em até 80% em vez de diminuir.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here